Como a Tamara montou sua cozinha modulada!

0

A história que vamos compartilhar hoje é muito bacana. A Tamara do @marianoshome204 vai contar um pouco como foi sua experiência de acompanhar a obra do apartamento novo e a escolha da cozinha que atendesse o espaço dela. O cômodo dela é pequeno e em modelo corredor, tendo que colocar móveis em paredes que ficam de frente uma para a outra. Assim, ela teve que encontrar uma alternativa que conseguisse atender às necessidades de armazenamento da cozinha, os eletrodomésticos e ainda ter uma área de trabalho funcional.

Acompanhe com a gente esta entrevista super interessante onde ela explica de forma bem detalhada como planejou a cozinha dela com módulos e algumas dicas para ajudar quem tem esse mesmo ambiente e quer mobiliar com custo baixo.

Primeiro, conta como foi a escolha do apartamento?

“A escolha do apê foi algo inesperado. Compramos na planta por indicação de um casal de amigos. Eu e o Leonardo, meu marido, estávamos com quase 8 anos de namoro e era hora de dar mais um passo, então fomos até o local e fechamos. O processo de espera foi de total ansiedade. Quase toda semana a gente ficava em frente a construção assistindo a obra, depois pegamos as chaves e iniciamos toda reforma. O apartamento tem 45m² e uma planta bem distribuída com dois quartos, um banheiro, sala de estar e jantar integradas, cozinha e lavanderia. O maior desafio seria mobiliar a cozinha por ser um modelo linear.”, conta Tamara.

Por que você escolheu uma cozinha modulada? Como você montou a distribuição dos módulos?

“Primeiro medi minha cozinha inteira para entender o espaço que tinha. Ah, eu queria colocar pia de mármore, então isso era algo bem importante. Depois, pesquisei muitos armários de cozinhas modulados, pois o planejado era caro e simples. Quando vi a Cozinha Vicenza da Madesa me apaixonei. O tom amadeirado e o espelho eram exatamente como eu sonhava, mas a distribuição dela era diferente do meu espaço e menor. O que me fez comprar a cozinha foi ver que ela era modulada, podendo montar conforme o que precisava e que tinha como adquirir módulos avulsos para ampliar, que era o meu caso. Então, comprei a cozinha completa e mais dois módulos aéreos separados e contava os dias para chegar.”

Como foi a escolha da bancada e os eletros?

“Sempre quis pedra escura porque não mancha com facilidade e fica muito clean, combina com tudo. Escolhi granito verde Ubatuba e usei na bancada e no rodapé. O forno era o único item que já tínhamos. O cooktop foi um presente do meu pai, mas pesquisei muito o melhor custo-benefício e optei por um modelo 5 bocas que coube certinho. E colocamos um depurador junto pela praticidade e por tirar o odor, que é algo que ajuda em apartamento. A geladeira foi outro mega presente que a tia do meu marido nos deu e foi uma ótima escolha. O espaço ficou ideal e o local que colocamos é de fácil acesso.”

Como foi a montagem e o resultado?

“Quem montou a cozinha foi meu primo que é montador e foi tudo muito simples. Ele fez a distribuição conforme o meu espaço comportava. Depois a marmoraria fez a medição e colocou pedra com o móvel já instalado. A cozinha ficou tão linda que nem consigo acreditar, todos que entram aqui em casa pensam que foi planejada.”

Explica pra gente a distribuição interna que você utilizou. O que você guarda e aonde?

“Para facilitar meu dia a dia montei uma forma de armazenamento que melhor me atende, pois uso muito as gavetas e o aéreo onde guardo os mantimentos. A distribuição ficou assim:

  • Embaixo do balcão do cooktop coloco panelas e tabuleiros;
  • No aéreo em cima do cooktop uso para armazenar as vasilhas de plástico;
  • Embaixo da pia, na porta do balcão guardo eletrodomésticos, e nas gavetas talheres e panos de prato;
  • Nos aéreos em cima da pia coloco copos, taças, pratos e jogos de sobremesa;
  • No aéreo sobre a geladeira deixo travessas de vidro que uso menos;
  • Na torre quente tenho os fornos e guardo as compras e suplementos alimentares;
  • Pra completar o cantinho do café, no aéreo guardo potes de mantimentos (arroz, feijão, farinha , leite etc.).”

O que você mais gosta na sua cozinha?

“O que mais gosto na minha cozinha é algo que me surpreendeu muito. As portas não baterem. É incrível, pois basta soltar que elas fecham suavemente. Isso facilita muito minha vida. E imagino que ajude muito na conservação da cozinha.”

Vimos que você tem um perfil de casa no Instagram. Como surgiu a ideia de montar esse perfil?

“Sempre segui perfis de ‘blogueiras do lar’ e me inspirava, então decidi fazer o meu para também compartilhar ideias com outras pessoas. Montei em março de 2019 e hoje já estou com mais de 8 mil seguidores. Tento postar todo dia e interagir com meus seguidores. A Madesa acabou me proporcionando fazer muitas amizades on-line. Isso porque vi essa cozinha num perfil também, da @lar_dasasa302. E depois de fazer minha cozinha, interajo muito com quem tem dúvidas em relação a como comprar cozinha modulada, como aproveitar o espaço, como montar a distribuição.

Diariamente recebo perguntas de como fiz para deixar a cozinha tão certinha no meu espaço. Muitos fãs chegam a me enviar fotos e medidas de seus espaços para que eu explique como montar a distribuição. Até sei de vários novos perfis que surgiram a partir da ideia do meu e que compraram suas cozinhas depois de falar comigo. Isso me deixa muito feliz.”

E você, conseguiu tirar suas dúvidas com a nossa entrevista com a Tamara? Conheça outras histórias de clientes que compartilharam suas experiências aqui no Blog na compra de cozinhas moduladas.

Se mesmo assim você ainda não sabe por onde começar, nós temos como te ajudar. Agora, a Madesa conta com consultores para auxiliar os clientes que não sabem como projetar seus espaços sozinhos. A ajuda de um profissional é fundamental para quem tem espaços reduzidos e muitas dúvidas. Clique aqui e conheça esse serviço.

Gostou da cozinha da Tamara? É o modelo Vicenza que você encontra neste link.

Fotos da matéria cedidas pela cliente.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, compartilhe seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui