Tipos de tinta: qual o ideal para o seu ambiente?

0
Rolo em cima de uma lata de tinta azul como exemplo dos tipos de tinta.

Pintar a casa é uma delícia, já que nos possibilita soltar nossa criatividade e trazer um toque especial para os ambientes. Além disso, essa é uma forma simples e rápida de transformar qualquer espaço. Mas, para garantir beleza e durabilidade, é indispensável entender os diferentes tipos de tinta.

Afinal, cada uma possui indicações próprias, com opções para materiais específicos, como as tintas para madeira. Se você quer um resultado incrível com a sua pintura, confira o conteúdo completo que montamos!

Quais são os tipos de tinta?

São muitos os tipos de tinta utilizados na construção civil – e escolher a melhor opção dependerá da aplicação que você fará dela. Vamos ver os principais.

Látex PVA

Essa é a tinta mais utilizada para pintar áreas internas, pois tem uma aplicação bem simples e de secagem rápida, devido a sua base solúvel em água. Tem como característica a resistência às intempéries e ao mofo e pode ser aplicada em várias superfícies, como: reboco, alvenaria, concreto, fibrocimento, metais, gesso e madeira.

Uma vantagem é que essa tinta não tem cheiro forte e oferece acabamento fosco, ideal para disfarçar aquelas imperfeições da parede.

Acrílica

A tinta acrílica também é um dos tipos de tinta solúvel em água e é possível encontrá-la com 3 acabamentos diferentes, oferecendo mais possibilidades de personalização dos ambientes.

Além disso, ela é impermeável, possui secagem rápida, oferece uma ótima cobertura (você consegue atingir a cor desejada utilizando menos tinta), disfarça as possíveis imperfeições da parede, é fácil de limpar e oferece resistência ao mofo.

Pode ser aplicada tanto em superfícies internas quanto externas, em reboco, alvenaria ou concreto.

Tinta a óleo

É uma tinta bastante resistente a intempéries, com boa cobertura e flexibilidade, além de ser fácil de aplicar. Entre suas vantagens está a ótima aderência em vários tipos de superfícies, podendo ser aplicada em áreas internas e externas e em materiais como madeira, alvenaria e metais.

A tinta a óleo é encontrada nos acabamentos brilhante ou fosco e tem como características a durabilidade, além de ser impermeabilizante e lavável.

Tinta epóxi

De todas, essa é uma das tintas mais resistentes. Ela é fabricada em versões à base de água ou de solventes e cada uma possui características distintas.

A tinta epóxi à base de solventes possui acabamento brilhante e uma maior resistência à abrasão e a produtos químicos, podendo ficar em contato direto com a água. 

Por isso, é a mais usada para a pintura de caixas d’ água e banheiras (mas não deve ser usada em piscinas) e em locais que necessitam de uma tinta com grande resistência mecânica, como pisos industriais e comerciais ou de garagens residenciais.

Já a epóxi a base de água oferece ótima aderência para superfícies lisas e oferece resistência à umidade, podendo ser usada para pintar azulejos e pastilhas cerâmicas em banheiros e cozinhas. Ela está disponível nos acabamentos brilhante e acetinado.

Acrílicos superlaváveis

As tintas superlaváveis são usadas para locais com tráfego intenso de pessoas ou que têm necessidade de limpeza frequente (como para quem tem crianças ou pets em casa). 

Essa tinta forma uma espécie de película resistente, com acabamento acetinado, capaz de aderir menos sujeira e facilitar a limpeza. É possível lavar a superfície pintada com água, detergente neutro e uma esponja macia.

Rolo de tinta em um balde de tinta branca.

Entre suas características estão: facilidade de aplicação, pouco cheiro, capacidade de repelir os líquidos, além de não manchar facilmente. Pode ser usada também para repinturas ou em superfícies descascadas.

Tinta esmalte

É uma tinta originalmente produzida à base de solvente, embora atualmente existam muitas opções à base de água. 

Ela possui boa cobertura, bom alastramento e ótima resistência ao mofo. Por isso, pode ser usada tanto em áreas internas como externas e em superfícies variadas, como: alumínio, ferro, alvenaria, madeiras e metais.

Após a aplicação, a tinta esmalte forma uma película sobre a superfície. Ela pode ser encontrada em diferentes acabamentos, como fosco (apenas nas cores branca ou preta), brilhante e acetinado.

Verniz acrílico

É uma tinta à base de água que possui características como: secagem rápida, boa resistência a intempéries e alta resistência à alcalinidade das superfícies e ao mofo.

O verniz acrílico pode ser usado em ambientes internos e externos e tem a função de proteger e impermeabilizar alvenarias, cerâmicas porosas, concreto aparente, tijolos, telhas de barro e outros materiais.

Verniz Poliuretano

Esse tipo de tinta é um verniz brilhante, com ótima resistência ao intemperismo, à maresia e ao atrito, com secagem rápida e alta flexibilidade.

Permite aplicação em áreas internas e externas e em várias superfícies de madeira, como portas, portões, esquadrias, móveis, armários embutidos e embarcações.

Verniz fenólico

Verniz resistente à alcalinidade e à umidade, podendo ser usado em superfícies internas e externas. Ele pode ser usado para impermeabilizar ou como acabamento em paredes de concreto ou reboco, além do tingimento e envernização de itens de madeira, como portas, esquadrias e janelas.

Possui uma cor castanho-avermelhado bem característica, oferecendo um acabamento único.

Tinta cal

É considerada um tipo de tinta artesanal, produzida com pigmento e fixador, sendo ideal para superfícies com grande porosidade. Ela produz um efeito envelhecido ou rústico, possui baixo custo e é uma alternativa sustentável.

Tinta antimofo e tinta inodora

Além de todas as opções apresentadas, ainda existem tipos de tintas com características especiais, como a antimofo e a inodora. A primeira possui uma formulação diferenciada, com ação bactericida e fungicida. Já a segunda é indicada para pessoas sensíveis ao cheiro da tinta, pois ele fica imperceptível em até 3 horas após a aplicação.

Quais são os tipos de tinta de parede?

A maioria das tintas que citamos no tópico anterior são usadas para pintar paredes. Contudo, as mais utilizadas são:

  • Tinta Látex PVA;
  • Tinta Acrílica.

A tinta Látex PVA é indicada para pintar paredes e tetos de áreas internas que não precisam de manutenção constante. Já a tinta acrílica é mais versátil, e pode ser usada em paredes internas e externas, sendo uma das melhores opções para as fachadas.

Porém, antes de aplicar a tinta acrílica, é recomendado que as paredes estejam devidamente impermeabilizadas para evitar criar bolhas durante a secagem.

A principal vantagem da tinta acrílica é que ela é fácil de limpar, portanto, é ideal para casas com crianças, pets ou com grande fluxo de pessoas. Nessas situações, também vale a pena optar pela superlavável. Para quem é alérgico à tinta, a melhor opção é a tinta inodora.

Mas, se você precisa pintar as paredes de áreas molhadas, como o azulejo ou as pastilhas do banheiro e da cozinha, a recomendação é usar a tinta epóxi, que tem um alto grau de impermeabilização, durabilidade e resistência.

O ponto negativo, contudo, é que essa tinta é mais difícil de ser aplicada – e exige mão de obra profissional, que conheça o produto e a técnica certa. Como a epóxi é uma tinta bem resistente à abrasão, ela pode ser limpa com produtos de limpeza comuns, como detergentes.

Quais são os tipos de tinta para madeira?

Para pintar madeiras, como portas, esquadrias e outros itens, o mais indicado é optar pela tinta esmalte ou pelos diferentes tipos de verniz.

A tinta esmalte possui opções de acabamento fosco, semi-brilho, brilhante ou acetinado e é bem econômica. Além disso, é resistente ao mofo e pode ser utilizada em áreas internas ou externas.

Pessoa pintando madeira com um pincel simples.

Se a madeira for ficar exposta a intempéries, no entanto, o melhor é optar pelo verniz, que dará uma impermeabilização melhor, como fenólico ou poliuretano. Além dessas opções, você também poderá utilizar:

  • Tinta Acrílica, que possui boa fixação à madeira e é impermeável, sendo muito utilizada para pintar móveis da área externa e de ambientes úmidos;
  • Tinta Látex: é a base de água e muito usada em projetos de artesanato com madeira. Pode ser usada em móveis da área interna, visto que possui pouca resistência ao sol e à umidade;
  • Tinta Laca Nitrocelulose: é a base de nitrocelulose, com secagem rápida e de fácil fixação. Pode ser com acabamento fosco ou brilhante e é preciso usar equipamentos de proteção durante a aplicação, que deve ser feita com compressores ou pistolas.

Inspire-se nos clientes Madesa!

Acompanhe a Madesa

Agora você já conhece os principais tipos de tinta para sua casa, que tal inovar no seu ambiente? Se curtiu este conteúdo, siga a Madesa no Instagram e no Facebook para ficar sempre por dentro das novidades do blog e das promoções da nossa loja oficial!

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, compartilhe seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui